Hung Sing Gwoon Minho

Escola Tradicional de Choy Lee Fut Kung Fu, Sanda, Chi Kung da Familia Chen

Sanda

Na Dinastia Tang (618-907), época de grandes batalhas e conquistas, foi necessário estabelecer um método de selecção dos melhores guerreiros segundo o conceito de luta chamado Taleitai (luta sobre plataformas). Como seu nome indica, estes torneios de artes marciais consistiam em fortes combates sem regras nem limites de tempo, realizados sobre uma plataforma elevada a 3 metros de altura. Os lutadores usavam totalmente as suas forças e a luta não terminava até que um caísse fora da plataforma ou estivesse impossibilitado de a continuar. Esta forma primitiva de combate é precursora do que hoje se conhece como Sanshou. Assim, o Sanshou coloca em prática todas as técnicas de ataque e defesa. Possui uma longa história e uma grande aceitação pelo público chinês. Os seus primeiros regulamentos foram criados durante a Dinastia Song (960-1279). Do seu passado como lutas Lei Tai, sem regras, passou-se à adopção de regulamentos em contexto militar, tais como o uso de luvas. Neste ambiente era realizado um evento competitivo entre soldados que visava testar e praticar suas habilidades e técnicas marciais. Foi utilizado pelo Kuomintang (KMT) como forma de treino na primeira academia militar moderna da China, em Whampoa, na década de 1920. Posteriormente, foi também adoptado como método pelo Exército de Liberação Popular da China. O Sanshou é popularmente associado ao Boxe Chinês. Muitos dos desportos de combate que hoje se praticam no ocidente, como o Karaté, o Judo, o Taekwondo, o Muay Thai, etc., reconhecem as suas origens nas milenares artes chinesas.